O status de conservação de acordo
com a portaria nº 43/2014 (ICMBio 2014)

(LC) Baixo risco: Não qualificável para uma categoria de maior risco. Espécies abundantes e amplamente distribuídas são incluídos nesta categoria.
(NT) Quase ameaçada: Próxima de ser classificada ou provavelmente qualificável para ser incluída numa das categorias de ameaça num futuro próximo.
(VU) Vulnerável: considerada como estando a sofrer um risco elevado de extinção na natureza.
(EN) Em perigo: considerada como estando a sofrer um risco muito elevado de extinção na natureza.
(CR) Em perigo crítico: considerada como estando a sofrer um risco extremamente elevado de extinção na natureza.
(EW) Extinta na natureza: apenas conhecida como sobrevivendo em cativeiro ou como população naturalizada, fora da sua área de distribuição conhecida.
(EX) Extincta: não existe dúvida razoável que o último indivíduo morreu.
(DD) Dados insuficientes: Espécies enquadradas nesta categoria conta com poucas informações e/ou dados inadequados para fazer acessoria direta ou indireta do risco de extinção.