INICIO > ESPÉCIES DO BRASIL > URUBU-DA-MATA  

Urubu-da-mata
Cathartes melambrotus (Wetmore, 1964)

Ordem: Cathartiformes
Família: Cathartidae
Nome em inglês:
Greater Yellow-headed Vulture.
Habitat:
Florestas

Distribuição no Brasil:



Status: (LC) Baixo Risco
Endêmico da Amazônia


Urubu-da-mata em voo, rio Purus - Manoel Urbano/AC Agosto de 2007 Foto:
Sidnei Dantas


• Descrição:
Possui, em média, 84 cm de comprimento e peso de aproximadamente 1.600 g (Márquez et al. 2005). É parecido com o urubu-de-cabeça-amarela (C. burrovianus), porém, o C. melambrotus é mais robusto, a plumagem é mais brilhante, tem a cauda mais longa e asas mais amplas comparado ao outro. Nas penas primárias e secundárias diferencia-se por possuir tons azulados/acinzentados em uma área das asas que fica entre o fim das primarias com as secundárias, característica difícil de se observar em campo (Marquez, et al, 2005; del Hoyo et al, 1994).

• Alimentação: Espécie carniceira, consome restos de mamíferos na floresta, como macacos, preguiças, dentre outros. Localiza seu alimento de maneira semelhante ao C. aura, voando baixo sobre a floresta pouco acima do dossel da mata para detectar odores de carniça, para então descer até a fonte de alimento. Quando ocorre simpatricamente com o C. aura e C. burrovianus, o urubu-da-mata é dominante no momento da alimentação (Marquez, et al, 2005; Del Hoyo et al, 1994).

• Reprodução: Dados sobre reprodução desconhecidos.

• Distribuição Geográfica: Encontrado na Colômbia, Venezuela, nas Guianas, Peru e no norte do Brasil. (Márquez, et al, 2005).

• Hábitos/Informações Gerais: Habita as florestas primárias da região amazônica. Embora tenha preferência por áreas preservadas, já foi observado que nas regiões central e norte do Tocantins a espécie tem se adaptado a uma paisagem alterada pela pecuária e a uma dieta baseada em gado e animais mortos nas rodovias (gado doméstico, serpentes, tatus e raposas). A mesma situação já foi observada na região norte da cidade de Araguaína, em Santana do Araguaia, no Bico do Papagaio, ao longo dos vales dos rios Araguaia (Caseara, Araguacema, etc.) e Tocantins (Palmeirante, Filadéfia, Babaçulândia, Palmeiras do Tocantins, Aguiarnópolis, etc). Na Fazenda Malasca mais de uma dezena de indivíduos foram observados pousados em mourões de cerca junto a um fragmento florestal onde carcaças de gado eram descartadas, atraindo também o Sarcoramphus papa (Marquez et al. 2005; Del Hoyo et al. 1994).


Urubu da mata C. melambrotus em voo.
Foto: Arthur Grosset

 

:: Página editada por: Willian Menq em Fev/2016. ::


• Referências:

Del Hoyo, .J., ELLIOT, A. E SARGATAL, J. Handbook of the birds of the world (2 v). Bird Life International Lynx Editions, 1994. 638p.

Márquez, C., Gast, F., Vanegas, V. & M. Bechard. 2005. Aves Rapaces Diurnas de Colombia. Bogotá: Instituto de Investigación de Recursos Biológicos Alexander von Humboldt. 394 p.

• Site associado: Global Raptor Information Network (em inglês)

 

• Citação recomendada:

Menq, W. (2016) Urubu-da-mata (Cathartes melambrotus) - Aves de Rapina Brasil. Disponível em: < http://www.avesderapinabrasil.com/cathartes_melambrotus > Acesso em: